quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Ter a televisão ligada a esta hora é assustador!

Está um gajo qualquer a ser entrevisto pela Júlia Pinheiro na TVI, porque anda há não sei quantos anos à procura de uma ex-namorada que considera ser a sua alma-gémea. Tudo isto seria muito romântico, caso ele não andasse a espalhar cartazes pelas ruas, não tivesse um blog sobre isso, não tivesse perseguido a família e colegas dela, e não fosse à televisão contar esta história. Por alguma razão ela está "desaparecida", ok? Isto não é romântico, é assustador!!! Ainda bem que estou sozinha! :S

Nota: Ah, tinha-me esquecido de explicar que, o senhor, tem um pêndulo, passa esse pêndulo sobre o mapa do país ou da cidade, e só afixa os cartazes onde o pêndulo dá indicação... Foge Inês, a sério!

32 comentários:

Ângela disse...

Eh pah...
Agora sinto-me um bocadinho melhor!... Pensei que era a única que estava a achar aquilo um bocadito para o doentio!... xD

Parabéns pelo delicioso e divertido blogue! :)

Jorge AF disse...

As coisas que passam na televisão!
Realmente com um pretendente assim há motivos para andar desaparecida.

Primeira visita ao seu Blogue, é muito interessante. Parabéns...

Indecisa disse...

Que horror.
Até eu desaparecida para todo o sempre.lol

há com cada um...


:)

Joanissima disse...

Assustador é pouco!! E os comentarios (36???) ao post? Para lá de assustadores!!!

Pobre Inês... : )

Shiine* disse...

É romantico, mas se ela ta desaparecida, por algum motivo é.. REALMENTE!

Luh disse...

Eu lembro-me de ver isto na TV há uns tempos...meu Deus,que exagero!Se ela quisesse alguma coisa já tinha dito!
Enfim...vai na volta e é tudo uma grande treta.

o stressado disse...

Não terá sido ele a desaparecer com ela? Isto tudo a meu ver é para enganar o pessoal... Inês descansa em paz.

...:Ju:...® disse...

Chega a ser chocante do que isso será o facto de (depois de se dar uma vista de olhos no blog) o senhor baseia as suas informações na demanda em dados astrológicos... -.-

Só consigo pensar:
Feliz Inês que fugiu enquanto pode!

e depois de saber disto garanto que se eu um dia vir a Inês,não digo a ninguém!

disse...

Já conhecia a história há algum tempo e sempre achei que a Inês anda desperadamente a fugir do Pedro. É que não se aguenta...

Nuno, apenas Nuno. disse...

$

ML disse...

Ahahhahah! Esse senhor inundou a cidade universitária com cartazes com o nome do blog dele.

Se de facto existir uma Inês, ela faz bem em não dar sinais de vida, porque ele parece maluco e segue-se pelo tarot, ou o raio!

Cá para mim, ele só quer aparecer e publicar um livro de poesia.

Anónimo disse...

Bem, os comentarios da Claudia no Blog do Pedro (Rui) são de andar aos tombos.....:)

reciclado disse...

Os pêndulos podem ser chatos, melgas, secas, incomodativos, sufocantes, gosmas, cromos e inclusive podem tornar-se embaraçosos.

mas não me vai dizer que não vos alimentam o ego…

Claudiaa disse...

Espero que a Inês se digne a aparecer. Se eu fosse a Inês do senhor ( deus me livre!) encontrava me com o dito cujo e esclarecia logo a situação .. É triste ver alguem a perder tempo por nós , se é das bonitas ou feias nao interessa so sei que se ela nao refez a sua vida bem burra foi xD

Niguém gosta de ter um maníaco atrás, salvo seja o senhor pois nao conheço o caso com a devida profundidade. Mas já estou a ver o filme todo lol

.:: Lee ::. disse...

Concordo totalmente com o que disseste. Ainda fiquei mais tonhó quando ele disse que a Inês só não aparecia porque estava a por o amor dele em prova... se eu fosse ela tb n aparecia e a rzão de certeza que não era por tar apaixonada. Mas vamos ter que esperar até 2011, que é quando o mapa astral diz que ela vai aparecer!

GOD

Dr Phil disse...

..psycho.....e tem a cara de pau de aparecer na Tv...acho que não vai ser a ultima vez que vamos ouvir falar deste idiota...

Anónimo disse...

A história deste Pedro e desta Inês, é bem mais complexa do querem fazer crer, ela não desapareceu porque está a fugir do Pedro, ou Rui Faustino de seu verdadeiro nome, e na altura em que tudo isto começou o Rui era só mais um anarco-sindicalista-bolchevique de Esquerda dos que proliferavam num determinado baluarte de esquisoides, e na altura entrar por aquelas bandas da avenida de Berna chegava a ser poético, grandes cartazes diziam Pedro procura Inês, e sentia-se algo diferente no ar, e nem os seus nomes são estes, nem eles são desconhecidos e, a coisa apareceu no jornal por variadíssimas vezes sendo mencionado pelo Miguel Esteves Cardoso e pelo falecido Eduardo Prado Coelho que lhe teceu loas, não se trata de uma história de perseguição, trata-se de algo mais ao jeito do amor platónico de Petrarca, e salvo excepções de verdadeiro pedantismo intelectual, o Rui Faustino é um lírico como já não se fazem, e não é por já não acreditarem em grandes sentimentos ou histórias de fazer chorar as pedras da calçada, que elas não existem. Ele estava a ser sincero, é uma obsessão? Não sei, mas sempre é melhor apregoar aos sete ventos que se procura a mulher amada, do que viver uma vida toda a pensar no e se…
Abóbora

P.S Pensava que num blogue de “mulheres” fossem mais compreensivas, eu si que ele não é o homem dos vossos sonhos, mas não custa nada pensar que é o amigo nerd dos vossos corações, que é mais isso que ele é.

Menos disse...

Medonho!!

Belota disse...

Abóbora,

percebemos o gesto e o romatismo da coisa, mas a questão aqui é encontrar o limite, saber onde parar. Se calhar esta Inês já compôs a sua vida e não me parece justo para ela ter que lidar com esta situação. Se calhar não e vai adorar revê-lo. Se calhar iria adorar revê-lo se ele não tivesse tornado as coisas tão públicas.

Com ou sem tantos "se", o que se passa com este Pedro deve andar muito perto daquilo que a psicólogo explicou no programa. Ele se calhar não ama tanto esta Inês quanto ama a ideia de amar esta Inês. O sentimento forte, a vontade de perseguir um sonho, ter alguma coisa que nos faz acordar de manhã é uma coisa muito boa, mas ele tem que viver por ela, e não pela ideia de ela como um objectivo.

E nós mulheres, em geral até temos mais queda para entender esta coisa do romantismo e ver tudo como uma verdadeira história de amor. Mas depois há aquele ponto em que vocês passam de cavaleiros a stalkers...

Fada disse...

Ui...

Scary...

Mas...

Na volta, é mesmo amor...

(Eu não gostaria duma situação destas, mas a verdade é que tenho um fã há mais de 3 anos, que nunca se declarou - a mim, só desabafou com os colegas - e ao não se declarar, não me permite dizer-lhe: segue a tua vida... Se ele fizesse um blog, sempre poderia dizer-lho... :p )

Rice disse...

Já vi o senhor ao vivo e a cores com um cartaz desses. É ainda mais assustador ao vivo, o mais triste é que é provavelmente um golpe publicitario da parte dele, isto porque o proprio ja admitiu que quer publicar um livro.. grande amor, ou nao.

ps. tem muita imaginaçao e nao deve estar a ser medicado.

Fada disse...

Ah!!!...

E ver a Júlia Pinheiro basta para ser assustador...

Aliás, quaisquer programas televisivos da RTP, SIC E TVI durante as manhãs e tardes, poderão ser eventualmente mais assustadoras do que os filmes de Tarantino... :D

Kiss kiss

Anónimo disse...

Eu conheço a Inês. Pelo que sei, o Pedro não é assim tão insistente com ela, mas ela continua a ser um bom veículo de popularidade para ele :)

pamat disse...

Isto ou é um golpe publicitário ao blog dele ou...

Pêndulo, já agora de que é feito esse pêndulo para eu quando for pôr o boletim do euromilhões acertar nos numeros?

kataryna disse...

Lol,hoje apareceu nas tardes da julia um professor que me dê aulas de introdução à gestão no tema de"uma loucura por amor" ou uma coisa do género...!
Fiquei a saber q o sr Carlos Vieira casou-se passado 2 meses de a conhecer e fizeram amor passado 3 h de se conhecerem xD

Eu Mesma! disse...

O homem é louco... e isso é obsessão pura ...

agora....
romanticamente falando....
será um deja vu da histopria do pedrinho e da ines....

quem sabe...
daqui a uma decada iremos ter a Quinta das Lágrimas verão tecnológica????

:)

Woman Once a Bird disse...

A história de Pedro Inês não pressupôs um doido em busca de qualquer coisa que não uma Inês; esta criatura apenas encontrou uma forma, vá, original, de se projectar. A ser verdade e a ser uma real "Inês", vai um passo dali para a agressão ao direito inalienável de o mandar dar uma volta e não a chatear mais. A existir uma Inês, deve ser um susto ter um cromo destes nestes preparos.

Anónimo disse...

Belota,
Tem razão, eu acho precisamente a mesma coisa e o psicólogo deve estar seguramente certo, uma vez que isto dura há cerca de dez anos. Em todo o caso não merece que se achincalhe a questão, porque ele é obviamente perturbado e de certa forma é um patusco louco.
Em relação aos stalkers, é verdade, ao contrário também, e diga-me que não conhece mulheres que já armaram uma tenda de circo por causa de um homem, conheço é menos mulheres que se expuseram de uma maneira ridícula face ao facto de não conseguirem o homem que almejam, e com isto quero dizer que expor de maneira ridícula pública, porque se nunca foram ridículas de amor, ou como no seu caso bravas (de bravura e perseverança e muitos mais adjectivos), é porque convenhamos ainda não amaram. Já o poeta dizia qualquer coisa do género. Bem agora vou-me que não quero ser confundido com um stalker .
Um boa questão também seria: Já fez alguma coisa por amor da qual se envergonhasse? Eu já e ainda coro (o que me fica mesmo mal dado o género)

Abóbora

Sónia disse...

Isto não é amor, é obcesão.
Espero que ela não seja encontrada...
Não havia nada mais interessante para dar no programa?

Anónimo disse...

É obcesão é! Aliás via-se que é um rapaz obcesionado com o seu próprio obcesionamento, é uma história obcesionante, valha-me Deus e os Santinhos do Altar!!!

Anónimo disse...

É obcesão é! Aliás via-se que é um rapaz obcesionado com o seu próprio obcesionamento, é uma história obcesionante, valha-me Deus e os Santinhos do Altar!!!

Lakshmi disse...

Mas qual Inês???
A mulher a esta hora já mudou foi de nome...
Que medoooooo!!!